WhatsApp Image 2020-10-21 at 17.55.25 (1

Os ensaios aqui reunidos, atualizados e com breves modificações, foram publicados esparsamente, em outras fontes, nos últimos anos. No formato de livro digital, facilita-se agora o acesso ao público em geral, especialmente, àqueles que se interessam pela pesquisa e aplicação prática das artes audiovisuais na Educação.

As últimas décadas têm, no limite, evidenciado a urgência de um melhor entendimento e aproximação com a prática da leitura não verbal aliada à linguagem verbal na sala de aula presencial e virtual. Ainda mais após os recentes agenciamentos relacionados ao emprego da comunicação audiovisual suscitados pelo contexto da pandemia de 2020, bem como outros fatos marcantes neste início do século XXI. A adaptação de conteúdos e de encontros humanos ao ambiente virtual trazidos por esses novos, desafiadores, contextos que ora vivemos evidencia a urgência de atualização, sobretudo por parte dos professores. Alguns vídeos postados em redes sociais, desde o início da pandemia, mostravam professores dando aulas on-line com a câmera do celular ligada enquanto escreviam diante de uma lousa. Sem dúvida, gestos que sinalizam a urgente necessidade de atualização docente no sentido de uma melhor compreensão sobre os fundamentos da linguagem pelo viés da semiótica em suas possibilidades de uso e leitura criativos não somente na elaboração de conteúdo, mas também no ambiente das aulas virtuais e presenciais. Se antes o alfabetizar-se para o emprego dos signos não verbais já se mostrava uma necessidade premente na Educação, agora, diante desses novos cenários pandêmicos e pós-pandêmicos, mais do que nunca ele se faz urgentemente necessário pela própria manutenção do educar(-se).

 

Autora

Márcia Fusaro é Pós-doutoranda em Artes (UNESP), Doutora em Comunicação e Semiótica (PUC-SP), Mestra em História da Ciência (PUC-SP), Especialista em Língua, Literatura e Semiótica (USJT). Pesquisadora e autora de livros e ensaios sobre interfaces epistemológicas entre Educação, Artes, Comunicação e Ciência.